28 de novembro de 2016

O bebé e os gatos

Tenho dois gatos, o Spider e o Nikito, muito mimalhos e muito habituados a serem os "nossos filhos", até ter nascido o Gabriel. Nunca tive receio da reacção deles quando o bebé nascesse e quando voltasse para casa do hospital, mas ouvi sempre durante toda a gravidez para ter cuidado com os gatos, para ter cuidado com os gatos e o bebé...aqueles comentários de quem se preocupa mas que não conhecem as nossas "feras" como nós, por isso não podemos levar a mal.


Quando o bebé nasceu, o pai trouxe para casa as  primeiras roupinhas para os gatos cheirarem, e segundo ele, não reagiram mal, nem ficarem inquietos. Quando o trouxemos o Gabriel para casa, pousamos o ovo no chão e deixamos os gatos cheirarem, com supervisão claro,  eles cheiraram, deram meia volta e foram à vida deles.
Quando o Gabriel está no sofá, volta e meia ele vão cheirá-lo, mas ele mexe-se e eles fogem logo...só quando ele chora é que os gatos ficam mais inquietos.


 O Nikito e o Spider respeitaram sempre o espaço dele, e o nosso..estão sempre por perto, mas nunca perto perto se me faço entender. Continuam a receber mimos, o que é sempre importante porque eles não deixam de existir com a chegada de um bebé, e continuam a fazer a vidinha deles. Não houve mudanças bruscas das rotinas e hábitos deles, por isso posso dizer ficou tudo igual, só que antes éramos quatro e agora somos cinco!

Devemos ter sempre cuidado porque os animais são imprevisíveis, porque não falam...mas também acho que devemos conhecer os nossos animais...se eles forem muito inquietos, se forem agressivos, se forem repentinos temos que ter ainda mais cuidado...mas um bebé nunca é desculpa para de desfazerem de um animal, ou para tratar mal um animal, porque antes do bebé eles já lá estavam e com amor e cuidado tudo se resolve.

Esta é a minha opinião, e vale o que vale, mas tenho certeza que quando o Gabriel for mais crescido vai amar estes gatos como nós...e faz tão bem às crianças crescerem com animais!

Beijinhos****


Sem comentários:

Enviar um comentário